Revista

Audio & Cinema em Casa, n.º 264, Maio/Junho de 2017 - Ano 29

Reportagem super completa do Audioshow 2017

Áudio de alta resolução, parte 2

[b]Testes:
Sonus faber Principia • VPI Prime Signature/Kiseki PurpleHeart N.S. • Atoll CD2000SE2• Audiovector QR3 • Townshend Audio Isolda EDCT• devolo Gigagate

Destaques:

AMG Giro/DS Audio W1 - e da luz fez-se música

... Esta combinação da AMG e da DS Audio funciona de um modo notável em conjunto, produzindo um som bonito até mais não, com uma gama média capaz de trazer até nós não só os sons como o cheiro das madeiras, os graves a estenderem-se até profundezas difíceis de abarcar e silêncios mesmo escuros, embora nunca frios. O preço da cabeça W1 pode ser considerado elevado (e não é barata, isso não) mas não nos podemos esquecer que por esse valor compramos uma cabeça e um belo prévio de phono, o que dilui, ou pelo menos divide por dois, o impacte. E parece que não sou só eu a ter esta opinião, porque tive que enviar rapidamente o equipamento de volta porque havia uma boa quantidade de audiófilos mortinhos por o ouvir….

Em teste (publicação em breve): Pro-Ject Tube Box DS2, Hana EL e SL, Trigon Exxact, mbl corona+F120, aqua Diva/la Scala, streamers iEAST, Plato Class A, LG OLED65E6V…